Vinicola APALTAGUA . Chile

A história de Viña Apaltagua começou em 1995, quando o bem-sucedido empresário americano Edward Tutunjian estava de férias no Chile e se apaixonou tanto pelo país quanto por seus surpreendentes vinhos. Foi nesse momento que decidiu investir no Chile e adquiriu sua primeira vinícola, La Pancora, localizada na Sétima Região do Chile, no prestigiado Vale do Curicó.

Posteriormente, com o objetivo de aumentar tanto a área de superfície plantada quanto a variedade de uvas, uma segunda propriedade foi adquirida em Huaquén, localizada na cidade de Curepto, no Vale do Maule, uma área conhecida pela excelência de suas uvas. . Esta vinha foi escolhida pelas suas condições climáticas, dominada por uma grande flutuação de temperatura entre o dia e a noite. Posteriormente, a Vinícola Apaltagua foi incorporada à empresa, localizada na Sexta Região do Chile, no Vale Apalta, em Colchagua, que se caracteriza por suas excelentes condições para a vitivinicultura.

Mais tarde, a terra foi comprada na cidade de Pirque, no Vale do Maipo, onde também há uma reserva com uma casa chamada Hacienda de San Juan de Pirque, que agora é a casa de hóspedes da vinícola, e é cercada por uma bela paisagem. parque centenário com uma floresta nativa, todos os quais são agora reconhecidos como parte de nossa herança nacional.

Finalmente, as fazendas de Palmilla (Colchagua) e Manantiales, no vale de San Antonio, foram incorporadas aos vinhedos existentes, transformando a empresa em uma vinícola Multi-Valley, com presença em cinco dos principais vales produtores de vinho do país. Isso nos permite ter diversidade nas variedades e vinhos, devido às qualidades que cada Denominação de Origem fornece.

Apaltagua é uma vinícola especializada em um varietal – carmenère distinto, mas menos conhecido. Carmenère é a variedade “perdida de Bordeaux”, como foi originalmente plantada em Bordeaux, mas foi abandonada porque amadureceu tarde demais para o clima, mas era conhecida por produzir vinhos de alta qualidade e elegância. Felizmente, a variedade carmenère foi importada para o Chile, onde não só sobrevive, mas também produz excelentes vinhos nas mãos de vinícolas como Apaltagua.

Apaltagua, propriedade dos sete irmãos Donoso Silva, tem um zelo missionário em sua dedicação e empolgação pela uva carmenère. A vinícola produz três níveis de vinhos carmenère: Apaltagua Estate Carmenère, Apaltagua Envero Carmenère e Apaltagua Grial Carmenère. Grande parte da fruta vem de vinhedos de carmenère, com 60 anos de idade, todos localizados na propriedade da família no prestigiado bairro de Apalta, no Chile. Os vinhos resultantes são excepcionalmente bons, com uma riqueza chocolately e uma borda apimentada, combinando os melhores atributos de merlot e cabernet sauvignon em uma uva.

Conheça os Rótulos da VINÍCOLA:

.

Curtiu este post? Compartilhe!